A segmentação de marketing é o processo de divisão de um público-alvo em grupos formados por consumidores potenciais que compartilhem comportamentos, demandas e hábitos de compra similares. Isso é feito para maximizar o potencial das campanhas, fazendo com que a mensagem certa chegue a cada tipo de diferente de cliente.

Normalmente, o mercado de um produto ou serviço não será composto por uma única massa heterogênea de pessoas com os mesmos desejos e demandas. Se uma empresa trata todo seu público como um só, pode estar perdendo a chance de alcançar mais pessoas.

Neste artigo, explicaremos melhor o que é a segmentação de marketing, como ela deve ser feita e qual a sua importância. Boa leitura!

O que é a segmentação de marketing?

A ideia de segmentar um mercado já é antiga. Ela vem da necessidade de elaborar estratégias distintas para atingir com mais eficiência cada um dos públicos de um produto ou serviço.

Na prática, segmentar o marketing é uma atividade que envolve o aprofundamento do conhecimento sobre os consumidores de uma empresa.

Se ela descobre que a maior parte seu público é formado por jovens, homens e mulheres, entre 16 e 22 anos, pode desenvolver recortes menores dentro desse cenário para criar campanhas que atinjam de forma mais eficiente mulheres de 21 anos ou homens de 16, por exemplo.

Qual a importância de conhecer seu público?

É fundamental para o marketing saber quem é o público de uma empresa e, quanto mais detalhes forem desvendados sobre esse público, mais precisa serão as ações direcionadas a ele.

Quando uma empresa não sabe muito bem quem é seu público, ela desperdiça seus recursos com campanhas voltadas para “a sociedade em geral”, que na prática é o mesmo que atirar no escuro: com alguma sorte, pode até acertar um alvo, mas o mais provável é que erre completamente.

O primeiro passo para segmentar o marketing é o levantamento dos dados sobre o público. A medida que é feito um aprofundamento no mercado, é natural que aconteça a segmentação, pois os vários perfis de consumidor vão se revelando.

Portanto, para garantir que a mensagem enviada ao público seja a mais eficiente possível, é necessário conhecer todos os tipos de consumidores que fazem parte deste mercado, segmentando o marketing.

Como segmentar estratégias de marketing digital?

A segmentação de marketing já foi mais complexa: hoje, com as ferramentas de marketing digital, se tornou bem mais fácil coletar dados sobre o público, criar recortes dentro dele e automatizar parte do trabalho de entrega de conteúdos para ele.

Com o Facebook Ads, por exemplo, é possível selecionar com exatidão os dados demográficos de cada público que será atingido pelas ações criadas na plataforma. A ferramenta também é capaz de mensurar o que está funcionando e o que não está, permitindo ajustes em tempo real nas campanhas.

Já com softwares de e-mail marketing como o MailChimp é possível coletar e gerenciar listas de e-mail de consumidores potenciais e entregar para cada tipo deles uma estratégia diferente de conteúdos, aumentando as chances de que eles sejam envolvidos pela comunicação e se tornem clientes efetivos.

Existem ainda muitas outras ferramentas de marketing digital que podem servir para essa finalidade, como o Google Adwords e Hotjar.

E agora que você já sabe a importância da segmentação do marketing, aproveite para compartilhar esse artigo com seus colegas nas redes sociais!